Peixefauna
Bem-vindo(a) ao fórum PeixeFauna.
Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.
Se ainda não é membro registe-se agora.




 
InícioInício  Conectar-seConectar-se  Registrar-seRegistrar-se  
Aquoporto

 

MYRIOPHYLLUM TUBERCULATUM

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem

Vera Santos
avatar

Old SchoolPeixeFaunaOld SchoolPeixeFauna


Localização : Estoril, Portugal
Mensagens : 11608
Data de inscrição : 27/12/2009
Gostos : 499


MensagemAssunto: MYRIOPHYLLUM TUBERCULATUM   Sab 18 Fev 2012, 22:52Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

MYRIOPHYLLUM TUBERCULATUM

Familia: Haloragaceae
Género: Myriophyllum
Região: Ásia
Localização: India, Pakistão, Indonesia
Sinônimos: -
Dificuldade: Fácil
Luz: Alta
Temperatura: 20ºC a 28ºC
PH: 6.0 a 8.0
Substrato Fértil: Não
CO2: Não
Estrutura da planta: Caule
Tamanho: 60cm
Crescimento: Rápido
Emersas: Sim
Dificuldade: Moderada
Localização no aquário: Fundo



Descrição:


Myriophyllum tuberculatum habita corpos de fluxo lento e estagnada de água em toda a metade norte da América do Sul. Não é uma planta muito comum nos Estados Unidos. A maioria das lojas e sites que oferecem esta planta está realmente oferecendo uma mais branda, marrom-avermelhadas espécies nativas para a Flórida. No entanto, M. tuberculatum pode ser obtido através de lojas e sites que regularmente importados plantas dos viveiros de plantas aquáticas Aquários orientais e Tropica.

M. tuberculatum é uma planta difícil de cultivar com sucesso dentro de um aquário. Uma luz intensa de 3 watts por 4L ou mais e CO 2 são necessidades, se se espera ter sucesso com este Myriophyllum . Nitratos e fosfatos deve ser doseado e mantidos em níveis aceitáveis ​​(5-15 ppm e 1-2 ppm, respectivamente). Nenhum desses dois macronutrientes devem sempre ser permitido chegar a zero ou nanismo dos rebentos irá resultar. M. tuberculatum exige mais ferro e micronutrientes que a maioria das plantas de caule. Sem micronutrientes suficientes, as hastes da espécie irá tornar-se muito escura e pequena, e nos casos de deficiência de extremo, a morte do meristema irá resultar. Quando as condições são de seu agrado, M. tuberculatum vai atingir um diâmetro máximo de quatro polegadas e vai virar uma cor vermelho-ferrugem. Em boas condições, este milfoil cresce em direção à superfície rapidamente, produzindo muitos rebentos laterais e tornando-se muito espessa. A poda desta espécie é uma questão de remoção e replantio nas porções mais robustos de topo, como as porções enraizadas do caule são lentos para jogar fora um novo crescimento. Propagação pode ser preenchido simplesmente arrancar um broto lateral a partir de uma haste principal e replantio-la no substrato. Como acontece com qualquer caule avermelhado, esta espécie é mais usada como um ponto focal ou um acento colorido. Quando saudável, os agrupamentos da espécie pode fazer para uma impressionante bola de fogo atraente. Parece muito bonito quando plantada ao lado verde Myriophyllum e Limnophila spp. . É igualmente apropriado para aquários plantados pequena, devido às suas folhas finas e de tamanho modesto.

Foto:




FONTES: aquaticplantcentral; TIVAMO; AQUAFLUX
Adaptado e traduzido por Vera Basílio dos Santos © Copyright 2011 ©
Voltar ao Topo Ir em baixo 

MYRIOPHYLLUM TUBERCULATUM

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Peixefauna :: Água Doce ::  Fichas Técnicas :: Plantas-