Peixefauna
Bem-vindo(a) ao fórum PeixeFauna.
Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.
Se ainda não é membro registe-se agora.




 
InícioInício  Conectar-seConectar-se  Registrar-seRegistrar-se  
Aquoporto

 

Barclaya longifolia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem

Vera Santos
avatar

Old SchoolPeixeFaunaOld SchoolPeixeFauna


Localização : Estoril, Portugal
Mensagens : 11608
Data de inscrição : 27/12/2009
Gostos : 499


MensagemAssunto: Barclaya longifolia   Ter 29 Nov 2011, 20:43Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Barclaya longifolia

Família: Nymphaeaceae
Género: Barclaya
Região: Ásia
Localização: Sudeste Asiático
Dificuldade: Fácil
Estrutura da planta:Rizoma
Luz: Médio (0.5 Watts/Litro)
Temperatura: 20ºC a 28ºC
PH: 5.0 a 7.0
Dureza da água: -
CO2: Não necessário, mas recomendável
Tamanho: 30 a 45 cm
Crescimento: Médio
Podem ser cultivadas emersas: Não
Localização no aquário: Fundo

Descrição:

Barclaya longifolia é nativa de uma grande área do sul da Ásia. Sempre foi relativamente incomum no hobby da América do Norte, onde podem ser obtidas através do comércio com os colegas fanáticos, mas é um pouco mais amplamente disponível em outros lugares, onde é reproduzida em viveiros. B. longifolia é um membro da Nymphaeaceae e é essencialmente uma flor de lótus que não cresce as folhas flutuantes. Seu alongado e avermelhado para verde ondular deixa fazer com que pareça superficialmente semelhante a um Cryptocoryne quando menor, mas logo atinge um tamanho rivalizando com muitos maiores Echinodorus . Vermelho e verde ( folhas em baixo avermelhada) as formas existem, com o verde atingir um tamanho ligeiramente maior. Tal como com outros Nymphaeaceae , restringindo as raízes por envasamento da planta pode manter as plantas menores por um longo período. É bastante exigente e bom para aquários de tamanho adequado de praticamente qualquer tipo, desde que ele recebe boa luz e água não muito fria (abaixo de 24 graus Celsius).
Geralmente é capaz de obter nutrientes suficientes da coluna de água, apesar de não beneficiar de alimentação root (que pode nem sempre ser aconselhável dado o seu tamanho final). Apesar de não ser muito sensível à deficiência de nutrientes, B. longifolia faz sofrer, infelizmente, as atenções dos caracóis. Mesmo em aquários onde os caracóis não são geralmente um problema, as folhas podem tornar-se cheias de buracos, então esteja preparado para lidar com eles, se necessário. Suas folhas são bastante delicadas e não deve ser submetido a correntes rápidas.
Um último ponto que merece destaque é que esta espécie é dada aos períodos de descanso ocasional, durante o qual as plantas morrerão por volta de algumas semanas. Propagação B. longifolia é tão interessante quanto a própria planta. Novas plantas, ocasionalmente formam na base de uma lâmpada de plantas maiores, mas a propagação através da semente é muito mais produtiva. Na verdade, B. longifolia é uma das plantas mais fáceis de reproduzir por meio de propagação sexual. Plantas saudáveis ​​rotineiramente enviar até hastes florais que lembram um pouco os de papoulas e se auto-polinizam se alcançar a superfície e flor ou permanecer fechados e não (cleistogamia). Quando as sementes começam a desenvolver-se, a área ampliada cresce e quando as sementes estão maduras, começa a se dissolver. É altamente recomendável para cortar o pedúnculo quando isso acontece para que ela não faz bagunça no aquário. Uma área de areia num aquário com peixes calmos são ideais. Mesmo espalhando-os sobre o primeiro plano de um aquário já estabelecido resultará em um número razoável de espécimes aparecendo ao longo dos próximos meses. Como as sementes brotam, eles são ainda mais vulneráveis ​​aos caracóis do que nunca. Uma vez que eles têm crescido a poucos centímetros de alto, mudas estão prontas para o transplante. B. longifolia só pode realmente ser totalmente apreciado quando dado muito espaço para se espalhar. Aquários de 75 litros ou mais são os mais adequados. Elas podem ser muito eficazes como as plantas de amostra que o fundo ou os lados de grandes aquários. É, infelizmente, negligenciado como um candidato para aquários discus, onde seu amor pela água quente torna-se em casa.



FONTES: aquaticplantcentral; TIVAMO; AQUAFLUX
Adaptado e traduzido por Vera Basílio dos Santos © Copyright 2011 ©
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Barclaya longifolia

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Peixefauna :: Água Doce ::  Fichas Técnicas :: Plantas-