Peixefauna
Bem-vindo(a) ao fórum PeixeFauna.
Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.
Se ainda não é membro registe-se agora.




 
InícioInício  Conectar-seConectar-se  Registrar-seRegistrar-se  
Aquoporto

 

Anableps anableps

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem

Cláudia Araújo
avatar

Old SchoolPeixeFaunaOld SchoolPeixeFauna


Nome Real : Cláudia Araújo
Localização : Ponte de Lima
Mensagens : 1686
Data de inscrição : 10/04/2008
Gostos : 114


MensagemAssunto: Anableps anableps   Qui 15 Abr 2010, 22:27Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

sexta-feira, 4 de Setembro de 2009
20:50


[list]



Nome científico

Anableps anableps

Nome comum

Quatro olhos

Família

Anablepidae (Anablepídeos)

Distribuição Geográfica

Habitat natural nas águas lentas e salobras do Sul do México e das regiões setentrionais da América do Sul.

Tamanho

25cm, mas pode atingir 30 cm

Zona preferida

Superfície

Condições da água

<TABLE style="BORDER-BOTTOM: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-LEFT: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-COLLAPSE: collapse; DIRECTION: ltr; BORDER-TOP: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-RIGHT: #a3a3a3 1pt solid" border=1 cellSpacing=0 cellPadding=0 valign="top">
<TR>
<td style="BORDER-BOTTOM: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-LEFT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-BOTTOM: 4pt; PADDING-LEFT: 4pt; WIDTH: 1.059in; PADDING-RIGHT: 4pt; VERTICAL-ALIGN: top; BORDER-TOP: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-RIGHT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-TOP: 4pt">
Temperatura</TD>
<td style="BORDER-BOTTOM: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-LEFT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-BOTTOM: 4pt; PADDING-LEFT: 4pt; WIDTH: 1.009in; PADDING-RIGHT: 4pt; VERTICAL-ALIGN: top; BORDER-TOP: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-RIGHT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-TOP: 4pt">
24-28 ºC</TD></TR>
<TR>
<td style="BORDER-BOTTOM: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-LEFT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-BOTTOM: 4pt; PADDING-LEFT: 4pt; WIDTH: 1.059in; PADDING-RIGHT: 4pt; VERTICAL-ALIGN: top; BORDER-TOP: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-RIGHT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-TOP: 4pt">
pH</TD>
<td style="BORDER-BOTTOM: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-LEFT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-BOTTOM: 4pt; PADDING-LEFT: 4pt; WIDTH: 1.009in; PADDING-RIGHT: 4pt; VERTICAL-ALIGN: top; BORDER-TOP: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-RIGHT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-TOP: 4pt">
7.5-8.5</TD></TR>
<TR>
<td style="BORDER-BOTTOM: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-LEFT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-BOTTOM: 4pt; PADDING-LEFT: 4pt; WIDTH: 1.059in; PADDING-RIGHT: 4pt; VERTICAL-ALIGN: top; BORDER-TOP: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-RIGHT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-TOP: 4pt">
Dureza</TD>
<td style="BORDER-BOTTOM: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-LEFT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-BOTTOM: 4pt; PADDING-LEFT: 4pt; WIDTH: 1.009in; PADDING-RIGHT: 4pt; VERTICAL-ALIGN: top; BORDER-TOP: #a3a3a3 1pt solid; BORDER-RIGHT: #a3a3a3 1pt solid; PADDING-TOP: 4pt">
20-35 º</TD></TR></TABLE>

Esta espécie de água salobra pode viver em água salgada, até uma densidade, de preferência, de 1,010 ( D Ideal 1,002-1,007)

Condições do Aquário

Necessitam de bastante espaço para nadar, sendo ideal um viveiro aquático, e com zonas de pouca profundidade e, de preferência, uma pequena "praia" para que possa sair parcialmente da água.

Sendo este peixe um saltador de excelência, o tanque deve ter tampa cuidadosamente fechada, o que também ajudará a manter os níveis de humidade altos.

Cobrir o fundo com cascalho e introduzir plantas que toleram sal. Evitar objectos com arestas pontiagudas que possam ferir os olhos

É essencial uma boa filtragem para tratar os detritos e alimentos rejeitados por estes peixes de grandes dimensões.

Dieta

Carnívoro. Na natureza, alimenta-se de insectos que pousam na superfície da água. Em cativeiro aceitam todo o tipo de alimento com prazer, desde pequenos invertebrados aquáticos até flocos

Comportamento/compatibilidade


Sociabilidade

Grupo de 6 a 8 indivíduos de ambos os sexos

Esperança de vida


Características/Descrição

Este peixe ainda caracterizado de variedade "selvagem", pois é uma das espécies completamente naturais, que até hoje, as suas características resistem nas linhagens desenvolvidas em cativeiro.

O aspecto deste peixe é inconfundível pois apresenta um corpo comprido, de coloração castanha com riscas violetas lateralmente, cabeça espalmadas e olhos muito protuberantes, semelhantes aos de um sapo.

A córnea, pupila e retina estão divididas, na horizontal, por uma camada de tecido que possibilita ao peixe ter uma visão bifocal, em que pode observar simultaneamente o que se passa acima e abaixo do nível de água, quando nada à superfície

Dimorfismo sexual

Os machos possuem um órgão tubular e carnudo, aparentando um pénis, apoiado pelos raios curvos da barbatana anal. Esse órgão, gonopódio, pende para a direita ou para esquerda e uma fêmea compatível terá a abertura genital oposta na diagonal.

Reprodução

Ovovivíparos, produzem duas ninhadas anualmente. De cada vez, podem nascer 3 a 5 crias mas, em certos casos, até 20 crias.

Estas nascem com 3 a 5 cm de comprimento.

Dificuldade

Difícil

[img][/img]


Última edição por Vera Santos em Qui 17 Mar 2011, 21:57, editado 1 vez(es) (Razão : Actualizado por Equipapeixefauna)
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Anableps anableps

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Peixefauna :: Água Doce :: Fichas Técnicas :: Peixes-