Peixefauna
Bem-vindo(a) ao fórum PeixeFauna.
Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.
Se ainda não é membro registe-se agora.




 
InícioInício  Conectar-seConectar-se  Registrar-seRegistrar-se  
Aquoporto

 

Gyrinocheilus aymonieri

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem

David.Amaro
avatar

Recém chegado
Recém chegado


Nome Real : David
Localização : Castelo Branco
Mensagens : 33
Data de inscrição : 19/04/2013
Gostos : 7


MensagemAssunto: Gyrinocheilus aymonieri   Qua 24 Abr 2013, 22:00Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Gyrinocheilus aymonieri

Classificação Científica

Reino: Animalia
Filo:Chordata
Classe: Actinopterygii
Ordem: Cyprinoformes
Família: Gyrinocheilidae
Género:Gyrinocheilus
Espécie: Gyrinocheilus aymonieri

Habitat Natural

O espécime habita os rios do Camboja, Laos, Thailandia, norte da península Malaica e província de Yunnan da China. Os exemplares que compramos nas lojas de animais praticamente não provêm nunca dos seus ecossistemas naturais mas sim de viveiros. Prefere rios pouco profundos de água cristalina com rápidas correntes. Por vezes pode ser encontrado em águas mais turvas consequência dos seus hábitos de migração.

Acessibilidade

É uma espécie bastante acessível e de baixo custo, mas infelizmente é muito pouco o aconselhamento que nas lojas dão acerca deste peixe que é na verdade impróprio para aquários. É frequente vê-lo nas lojas de animais embora possa ser confundido com outras espécies nomeadamente o Crossocheilus oblongus, Epalzeorhynchos kalopterus e Garra cambodgiensis.

Características ideais da água do aquário

pH (medida da concentração de iões de hidrogénio na água): 6.0 - 8.0
dGH (medida da concentração de certos iões divalentes na água): 5 -12
Temperatura: 25ºC - 30ºC
Volume de água: 120 litros mínimo

Características ideais de um aquário com Gyrinocheilus

O aquário deverá ter o fundo em areia fina com muitos seixos espalhados semi-enterrados. A corrente de água deverá ser forte. Deverão haver seixos dispostos de forma a criar cavidades e esconderijos. Não necessita de estar muito plantado.

Características físicas do espécime

Visto que já tive várias vezes este peixe no aquário, tenho alguma experiência e portanto o que aqui escrever será essencialmente com base nela. O Gyrino (chamemos-lhe assim), não é parente próximo dos peixes gato como o plecostomus, mas sim das carpas dos rios asiáticos. Possui uma boca semi-circular virada para baixo em forma de ventosa, sem barbelas ou dentes, a qual usa para sugar o seu alimento ou para se manter fixo a rochas em rios de correntes velozes. Pode apresentar colorações variadas visto que já se fizeram bastantes cruzamentos de modo a obter exemplares de cores diferentes. Na natureza o Gyrino apresenta cor esverdeada azeitona. O ventre é mais claro, o dorso é mais escuro. A acompanhar a linha lateral do corpo possui pintas escuras que formam padrões. As espécies criadas nos viveiros porém podem ter variadas tonalidades. O Gyrino em viveiro pode ser castanho claro ou escuro, verde claro ou escuro, com pintas a formar padrões ou não, e até mesmo variantes cujo corpo é totalmente cor de rosa ou laranja.

Os seus opérculos são modificados com uma abertura na parte superior que permite ao peixe respirar quando está a sugar ou quando está fixo nalguma rocha. Não necessita portanto de nadar ou de abrir os opérculos para respirar, passando-lhe a água livremente pelos mesmos. As suas barbatanas peitorais também se especializaram ao longo dos milhares de anos e é possível muitas vezes ver o peixe literalmente "caminhar" sobre as rochas como se de um quadrúpede se tratasse.


Torna-se bastante grande, podendo atingir 15 anos de idade e 28 centímetros de comprimento em cativeiro. Daí ser importante tomar as suas dimensões adultas em consideração aquando da sua compra.

Alimentação

Este sub-tópico é complexo, visto que na natureza o gyrino tem um certo regime alimentar e no aquário poderá ter outro.
Na natureza o peixe passa grande parte do seu tempo fixado com a sua boca em superfícies rochosas. Enquanto se passeia pelas rochas e seixos ele suga o "bio-filme". O bio-filme são comunidades ou aglomerados de bactérias que se fixam nas superfícies rochosas e que depressa agregam também na sua constituição comunidades de outros seres nomeadamente plantas microscópicas. Também se alimenta de algas. Portanto considera-se um animal aquático vegetariano.
Em aquário o Gyrino assume necessidades alimentares diferentes ou então adapta-se muito bem ao que lhe é fornecido. Assim que entram no aquário e se ambientam, começam a raspar qualquer alga que encontrem no seu caminho. Qualquer aquário cheio de algas em poucas semanas fica limpo. Ao mesmo tempo que se alimenta das algas do aquário o Gyrino irá aceitar sem exitação qualquer tipo de comida que se lhe dê. Alimento em pastilhas é bastante apreciado por ele, sejam pastilhas para peixes vegetarianos ou omnívoros. Assim que ele sente um comprimido cair na água aproxima-se lentamente e coloca a sua boca por cima do mesmo raspando a sua superfície. A complexidade da alimentação dele começa quando se torna frequente, aquariofilistas se queixarem de que o peixe assim que atinge determinadas dimensões, para de se alimentar das algas do aquário. O aquário começa a ficar sujo novamente pois o peixe começa a habituar-se a alimentos em flocos ou em comprimidos. Começa também a ter instintos predatoriais e pode mesmo colar-se aos flancos de peixes doentes ou lentos, raspando com a boca a mucosa das suas escamas causando-lhes ferimentos graves.
Mas simplificando e não tomando em conta nada disto, o Gyrino aceita alimentos de qualquer tipo desde alimento seco em flocos ou pastilhas a alimento vivo. Convém sempre o peixe ter uma alimentação rica em vegetais para que esteja de boa saúde e não tenha nenhuma carência.

Sociabilidade

O gyrinocheilus não socializa com outros peixes nem necessita de ter outros peixes no aquário. Se o aquário for só para ele melhor.
Enquanto pequeno não causará problemas aos demais. A partir dos 12 centímetros de comprimento o Gyrino é adulto e começará a desenvolver instintos territoriais. Poderá ser muito ou pouco agressivo e poderá mesmo atacar outros habitantes do aquário pelo que por esta altura a melhor ideia talvez seja removê-lo do aqua...
Atenção a quem tem discos. Os discos têm largos corpos de grande área de superfície. O gyrinocheilus sentir-se-há sempre muito tentado a colar-se aos flancos dos mesmos, alimentando-se da mucosa e escamas, causando-lhes feridas.
Também perturbará outros peixes do fundo. O único aquário onde o Gyrinocheilus poderia coesistir sem problemas seria um com carpas muito activas e velozes que nadassem na parte superior do aqua. Ou então um de tartarugas e lagostins.

Resistência

Por norma é robusto e resistente tendo sobrevivido a várias epidemias no meu aquário. Não resiste a baixas temperaturas sendo preferível manter a água do aquário entre os 25ºC e os 30ºC. Prefere águas macias. Não se dão bem em águas muito paradas. Preferem águas cristalinas, bem oxigenadas e com fortes correntes. Este ambiente é dificil de recrear dentro de aquários e pode ser prejudicial às outras espécies que por norma preferem águas mais calmas. Tolera e adapta-se a uma grande variedade de alimentos no entanto é importante dar-lhe uma fonte de alimentos de origem vegetal. Caso não aconteça desenvolverá certas carências e pode ficar pouco saudável e a longo prazo morrer.
No meu aquário o máximo que viveram foi 2 anos, mas podem chegar até aos 15. Deve-se ter cuidado com a abertura do aquário. Visto que tem boca em forma de ventosa pode subir os vidros e sair dele.

Dimorfismo Sexual

Não há grande forma de se distinguir o sexo do Gyrino. A fêmea é igual ao macho em aspecto e em comprimento. Mas com o passar dos anos torna-se maior e mais volumosa. Perto da época da reprodução a fêmea está mais arredondada devido a estar cheia de ovos. O macho desenvolve umas rugosidades na cabeça.

Reprodução

Não se conhecem hábitos de reprodução dentro do aquário. Há aquaristas que reportaram ter conseguido ninhadas de gyrinocheilus. Conseguiram este feito ao mudarem casais, de aquários com boa circulação de água e poucas plantas, para aquários demasiado plantados e cheios de algas com águas relativamente paradas. Isto simulou a migração para águas mais turvas que os gyrinos fazem no seu habitat natural fazendo despoletar a desova. De qualquer modo não se tem a certeza absoluta e não passa de especulação. Ocorre no seu habitat natural e pouco mais. Nas quintas de peixes onde este espécimen é criado, é-lhes administrado hormonas que estimulam a ocorrência da época de reprodução.

De momento creio que não me lembro de mais nada que possa falar acerca do bicho...
Qualquer critica construtiva às fichas técnicas que faço será sempre bem vinda, nem que seja para me ajudar a corrigir erros ortográficos :lol:

Obrigado




Última edição por David.Amaro em Seg 29 Abr 2013, 06:07, editado 6 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Vera Santos
avatar

Old SchoolPeixeFaunaOld SchoolPeixeFauna


Localização : Estoril, Portugal
Mensagens : 11608
Data de inscrição : 27/12/2009
Gostos : 499


MensagemAssunto: Re: Gyrinocheilus aymonieri   Qua 24 Abr 2013, 23:18Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Acho que está uma boa ficha. Tenta colocar uma fotografia!
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Pedro Santos
avatar

Old SchoolPeixeFaunaOld SchoolPeixeFauna


Localização : Barcelos - Braga
Mensagens : 4935
Data de inscrição : 14/02/2012
Gostos : 251


MensagemAssunto: Re: Gyrinocheilus aymonieri   Qui 25 Abr 2013, 07:47Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Boas!

Coloca também o nome comum (CAE - Comedor de Algas Chinês).

É mais fácil para a sua identificação!

Bom trabalho!

Abraço!
Voltar ao Topo Ir em baixo 

David.Amaro
avatar

Recém chegado
Recém chegado


Nome Real : David
Localização : Castelo Branco
Mensagens : 33
Data de inscrição : 19/04/2013
Gostos : 7


MensagemAssunto: Re: Gyrinocheilus aymonieri   Qui 25 Abr 2013, 11:39Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Concerteza
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Conteúdo patrocinado





MensagemAssunto: Re: Gyrinocheilus aymonieri   Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Voltar ao Topo Ir em baixo 

Gyrinocheilus aymonieri

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Peixefauna :: Água Doce :: Fichas Técnicas :: Peixes-