Peixefauna
Bem-vindo(a) ao fórum PeixeFauna.
Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.
Se ainda não é membro registe-se agora.




 
InícioInício  Conectar-seConectar-se  Registrar-seRegistrar-se  
Aquoporto

 

ICTIO - O que é - Como tratar - Como evitar...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem

Thiago Cardoso

Membro
Membro


Localização : Brasil
Mensagens : 678
Data de inscrição : 05/03/2012
Gostos : 46


MensagemAssunto: ICTIO - O que é - Como tratar - Como evitar...   Sab 28 Abr 2012, 22:48Este Tópico está bloqueado. Você não pode editar as mensagens ou responder.

Nesta época do ano devemos tomar muito cuidado com o aparecimento do ictio ou ictioftiríase...
Isto porque ele se aproveita das quedas de temperatura rápidas que o clima proporciona .

O agente causador é um protozoário que se locomove impulsionado por cílios vibráteis. Tem o nome de Ichthyophthrius multifiliis.
Como se nota , é muito "h" para um bichinho de uma só célula mas que causa grandes estragos , sendo responsável por desastres no aquario de quem não toma os devidos cuidados.
Ele se reproduz intensamente e logo após o ataque aos primeiros peixes , todos os outros podem ser afetados devido ao elevado numero de protozoários que surgem.

Seu combate se torna fácil se conhecermos seu ciclo vital.
Seu ciclo de vida varia com várias circunstâncias...Oxigenação ( são sensíveis a pouco oxigênio) , temperatura ambiente e outros...Dependendo pois das circuntâncias este ciclo pode variar muito , indo até 18 dias.
Normalmente adentra o aquario por intermédio de algum peixe ou mesmo planta novata...Por isto a grande importância da QUARENTENA para todos os seres que são colocados no aquario.
Eles também podem ser trazidos sob a forma de esporos para dentro do aquario,e assim permanecer muito tempo.

Numa primeira fase se aproveita dos peixes que tiveram alguma baixa da resistência imunológica.Nesta época isto acontece com frequencia devido a quedas bruscas de temperatura da água,um veneno para a resistência dos peixes. Eles não tem um sistema seguro de regulação de temperatura como nós.
E nós , quando estamos num ambiente em que haja uma queda brusca da temperatura , podemos ter alterações em nossas defesas imunológicas , produzindo nos mais susceptíveis , baixa resistência a doenças que disto se aproveitam para nos atacar...ataques a que normalmente poderíamos suportar .

Podemos sempre considerar a saúde como um equilíbrio entre o hospedeiro , o agente agressor (que pode ser físico , biológico ou químico ) e o meio.
Se o responsável pela agressão estiver em desvantagem , nosso organismo estará em boas condições de saude...se o meio nos der condições de reagir.
Se o meio for desfavorável , teremos que reagir para suprir as deficiências que isto nos provoca e consequentemente dividir nossas energias com as de defesa contra os agressores...E podemos levar a pior.
Se o agente agressor existir em uma quantidade muito grande , nossas defesas podem ser insuficientes para nos proteger.
Como vemos , há estas e inúmeras variações deste equilíbrio , como você pode imaginar...

No aquario onde se tenha introduzido em algum momento o protozoário , seu cisto ou seu esporo , logo haverá o ataque aos peixes mais enfraquecidos mesmo que momentaneamente.
O íctio se aproveita então , penetrando rapidamente na epiderme dos peixes onde surgem depois aqueles pontinhos brancos. Estes podem ser , tanto reação da propria epiderme como fungos (oportunistas como sempre ) que crescem no local.Estes pequenos pontos brancos podem se parecer com bolhas no corpo e nas nadadeiras...
Nesta fase em que o ictio se encontra na epiderme ou entre a epiderme e a derme do peixe , ele se desenvolve. Cresce se alimentando das células dos peixes , de seu sangue , etc... levando-os a anemia , intoxicando-o , e consequente maior baixa da imunidade.
Quando ele escolhe a branquia do peixe pode levá-lo à asfixia.
Infelizmente é nesta fase , já depois de o peixe ter sido atacado que se descobre isto , pois ele começa a se esfregar contra objetos no aquario , tem os movimentos diminuidos , fecha as nadadeiras , se deita no fundo... , enfim , começa a ter atitudes que só contribuem para a diminuição de sua resistência e o enfraquece.Inclusive porque começa a se alimentar menos ou até a não comer.
Evidentemente nem todos os peixes manifestam estes sinais. O que em alguns casos pode tornar o diagnóstico mais difícil.
Nesta fase em que está enquistado no peixe não conseguimos matar esses bichos sem matar os peixes , já que eles estão em local inacessível a medicamentos.
Quando o protozoário alcança seu maior tamanho , abandona o peixe e cai no substrato , sobre plantas (muito comumente...) , etc...e se envolve em uma cápsula gelatinosa onde por alguns dias se multiplica muito , às centenas ...Essa cápsula se rompe e saem daí os novos protozoários que atacarão outros peixes (e os anteriormente atacados que não tenham morrido) ...
Mas ... dissemos que eles criam uma carapaça gelatinosa....Huum...GELATINOSA...
Que legal...! Os protozoários tem seu "tendão de Aquiles"...!
Então , se eles formam uma proteção de gelatina...e é tão fácil impedir a gelatina de se solidificar...e se não a deixarmos se solidificar eles não conseguem se reproduzir...Está resolvida a questão !
Basta não deixarmos que eles se reproduzam !
Quem já fêz ou viu fazerem gelatina sabe que ela precisa ser esfriada para se solidificar.
Se deixarmos a água do aquario quente , os parasitas que se soltarem do peixe para se multiplicarem não o conseguirão .
Se mantivermos a água do aquario estável em 31°C por 18 dias , estará debelado o problema. Só haverá novos protozoários do íctio se os reintroduzirmos no aquário!


É importante ao extremo que o aquarista se conscientize de que é êle o reponsável pela introdução de agentes patogênicos entre os cinco vidros do aquario.
Mas se ele fizer a QUARENTENA de todos os seres vivos e esterilização dos objetos que introduz no aquário , não poderá se sentir responsável por seus peixes adoecerem por causa de algum agente biológico agressor...

Fonte: http://www.aquahobby.com/phpBB2/viewtopic.php?t=1981
Voltar ao Topo Ir em baixo 

ICTIO - O que é - Como tratar - Como evitar...

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Peixefauna :: Água Doce :: Doenças e Pragas-