Peixefauna
Bem-vindo(a) ao fórum PeixeFauna.
Para poder aceder livremente à nossa comunidade, terá que efectuar Login.
Se ainda não é membro registe-se agora.




 
InícioInício  Conectar-seConectar-se  Registrar-seRegistrar-se  
Aquoporto

 

Como escolher o meu novo filtro?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Ir em baixo 
AutorMensagem

Ricardo Santos
avatar

Membro ativo
Membro ativo


Nome Real : Ricardo Santos
Localização : Braga
Mensagens : 207
Data de inscrição : 02/02/2012
Gostos : 15


MensagemAssunto: Como escolher o meu novo filtro?   Qua 11 Abr 2012, 14:18Responder ao tópico

Boas,

Irei de seguida escrever algumas linhas sobre filtros para os nosso aquários, sim aqueles mecanismos que são o coração e o suporte da estabilidade dos nossos aquários e que lhes permite ganharem vida com a fauna e/ou a flora que lá vamos mantendo.
Aqui ficam algumas considerações.


Débito de água

Os fabricantes indicam o débito dos seus filtros pela potência máxima produzida pela bomba em condições ideais, sem massas filtrantes ou mangueiras o que não é muito útil para o seu uso corrente. A maioria dos filtros externos acaba por perder cerca de 30 a 40% da sua capacidade quando são usados em ambientes reais.
O caudal dos filtros é variável e não constante tal como as marcas incluem nos guias de instruções. Assim o filtro Y pode ir até XXX, ou seja o valor de referencia não é uma média mas sim um máximo que pode ou não ser atingido.
Sendo que as contas feitas pelos fabricantes são originadas com os filtros limpos e vazios (sem massas filtrantes) e sendo que como já se sabe o filtro vai diminuir o caudal máximo que pode atingir durante o seu funcionamento, aconselho sempre adquirir um filtro que faça pelo menos 7 vezes mais o total da litragem do aquário em que irá funcionar, bem como em encurtar (cortar) as mangueiras para a medida exacta necessária.
Quanto maiores forem as mangueiras, maior será o esforço que o motor do filtro terá que fazer para sugar e injectar água. Ao cortarmos as mangueiras para a medida exacta, este esforço diminiu o que se traduz num maior caudal por hora.
Eu próprio já testei um filtro externo, primeiramente com as mangueiras no seu comprimento inicial e posteriormente já cortadas, e acreditem que a diferença é abismal.
Na primeira fase á água injectada pela flauta mesmo na superficie, era já por si consideravelmente forte, quando cortei as magueiras e liguei o filtro, a água foi literalmente cuspida para fora do aquário.
A título de exemplo, os JBL vêm com mangueiras de 1,50 m, neste caso se precisarem apenas de 1 metro, cortem os 50 cm excedentes.
Claro que a realidade não passa por montar, ligar e pimba, já reduziu, se um filtro fizer 1400 L/H ou se puder fazer 1400 L/H, isso significa que quando o montam com as matérias filtrantes, já sabem que ele não vai fazer esse valor, isto pq no teste que fizeram, os valores máximos foram sem massas filtrantes.
Com o passar do tempo, semanas, meses, o caudal vai diminuindo ainda mais, devido a acumulação de detritos nas esponjas e nas mangueiras. As proprias bacterias, produzem substancias que entopem as mangueiras e que devem ser retiradas quando efectuamos as manutenções do filtro.
Depois, de acordo com o funcionamento, onde o tipo de fauna também ajuda bastante ( a nivel de produção de detritos) o vosso caudal vai ser variavel o que vos vai obrigar a terem que efectuar manutenções com mais ou menos tempo de intervalo.

Para sabermos que tipo de filtro devemos comprar, temos que ter em mente 3 váriaveis importantes.

Litragem bruta

O nosso filtro deve sempre fazer pelo menos 4 vezes o total de água do nosso aquário, se tivermos um aquário de 100 litros as contas que devemos fazer são:

100 x 7 = 700

Neste caso deveriamos comprar um filtro que fizesse pelo menos 700 litros por hora.
Porque razão coloquei 7 vezes mais e não apenas 4 como me referi no ínicio? E porque razão não usei litragem útil em vez de bruta?

Bom, a questão é que num aquário de 100 litros, de facto o layout pode retirar a volta de 15 a 20 litros de água, no entanto, não se esqueçam que no caso de ser um filtro externo, o mesmo também vos vai dar espaço para mais água, no entanto mais vale fazer mos sempre as contas por cima (litragem bruta), de forma a nunca ficarmos muito em cima da linha de risco.


Então façamos agora as contas para entendermos a razão das 7 vezes.


Se de facto precisamos que o nosso filtre tenha uma média constante de 4 vezes o volume total de água, no caso de ser um aquário de 100 litros isso daria 400 litros em média por hora certo?
Ora sabendo nós que os filtros podem diminuir até 40% de capacidade acompanhem o raciocinio.


100 Litros brutos X 7 vezes mais de caudal = 700 litros brutos

700 - 40% = 420

Ou seja, se precisamos de manter pelo menos 400 litros por hora, não podemos contar com esse valor como meta inicial, mas sim como meta máxima após a presumivel descida de rendimento.
700 litros por hora é o valor inicial que permite que mesmo com uma redução de 40% o aquário continue a ser filtrado de forma estável.


Se apontassemos como muitos aquariofilos fazem (erradamente) para os 400 litros iniciais, reparem o que iria acontecer


400 - 40% = 240

Isto faria com que o nosso aquário tivesse apenas uma filtragem inferior a 2,5 o que seria sinónimo quase de uma poça e não de água de rio que é o que se pretende.



Fauna e Flora


O tipo de Fauna e de Flora, são também eles conceitos importantes para a escolha de um filtro.

Para quem anda nos plantados sabe perfeitamente a necessidade real de todas as plantas receberem de igual forma os nutrientes que colocamos diáriamente.
De que vale andarmos a encher o aquário de CO2 ou carbono liquido e de fertilizar mos com micros e macros se tudo isto não chegar ás nossas plantas?


Na Fauna o problema já passa pela carga orgânica que a mesma produz, quanto maiores forem os animais, ou quanto maior for a probabilidade de os mesmos produzirem carga orgânica, mais necessidade teremos de apostar numa maior capacidade de filtragem

Dou vos alguns exemplos:


Ex 1

Aquário de 200 Litro com 10 guppies e alguns pês de fetos de java

Ex 2

Aquário de 200 Litro com 10 neons, fortemente plantado

Ex 3

Aquário de 200 Litros com 6 escalares, fortemente plantado

Ex 4

Aquário de 200 Litro com 20 ciclideos Africanos.


Os exemplos vão subindo na questão de necessidade de uma filtragem mais exigente.


Quando adquirirem os vosos filtros, tenham em atenção o ruido que os mesmos irão emitir em funcionamento, bem como se já vêm com material filtrante e se são fáceis de montar e desmontar.
A questão dos watts que gastam também é um assunto que devem ter em conta de forma a poderem poupar na factura da EDP.
Lembrem se que o vosso filtro será a base de toda a vida do vosso aquário, desde o aparecimento das primeiras bactérias, até ao nascimento dos primeiros peixes, tudo irá necessitar de um bom filtro.

Espero que a leitura seja do vosso interesse e vos ajude.


Cumprimentos


Ricardo Santos


Última edição por semnick em Qua 11 Abr 2012, 15:09, editado 1 vez(es)
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Thiago Cardoso

Membro ativo
Membro ativo


Localização : Brasil
Mensagens : 678
Data de inscrição : 05/03/2012
Gostos : 46


MensagemAssunto: Re: Como escolher o meu novo filtro?   Qua 11 Abr 2012, 14:28Responder ao tópico

Muito bom o tópico, merece ser fixado...parabéns
Voltar ao Topo Ir em baixo 

hugovcd
avatar

Membro Plus
Membro Plus


Localização : vila do conde
Mensagens : 942
Data de inscrição : 07/08/2011
Gostos : 33


MensagemAssunto: Re: Como escolher o meu novo filtro?   Qua 11 Abr 2012, 20:34Responder ao tópico

Excelente tópico!!!!
Voltar ao Topo Ir em baixo 

putogiro
avatar

PeixeFauna
 PeixeFauna


Nome Real : Nuno Moreira
Localização : Alverca
Mensagens : 2824
Data de inscrição : 20/03/2010
Gostos : 243


MensagemAssunto: Re: Como escolher o meu novo filtro?   Qua 11 Abr 2012, 21:18Responder ao tópico

Boas
Muito bom tópico e bem explicado, para mim só tem um problema; A data.
Devia ter sido feito com cerca de ano e meio de antecedência,
Assim tinha optado por um filtro de maior potrencia do que optei. lol!
Voltar ao Topo Ir em baixo 

madalena1962
avatar

Membro ativo
Membro ativo


Nome Real : Madalena Magalhães
Localização : Odivelas, Lisboa
Mensagens : 377
Data de inscrição : 16/03/2013
Gostos : 2


MensagemAssunto: Re: Como escolher o meu novo filtro?   Seg 25 Mar 2013, 22:12Responder ao tópico

adorei o topico, pois quero comprar um filtro novo
tenho 71l brutos no aquario
logo 71x7=497l/h

já tenho alguma indicação do melhor
Voltar ao Topo Ir em baixo 

lino_51
avatar

Membro
Membro


Nome Real : Lino
Localização : Guarulhos
Mensagens : 153
Data de inscrição : 12/08/2013
Gostos : 2


MensagemAssunto: Re: Como escolher o meu novo filtro?   Seg 09 Set 2013, 13:06Responder ao tópico

Ótimo post
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Renato MS
avatar

Membro ativo
Membro ativo


Nome Real : Renato
Localização : Campo Grande - MS
Mensagens : 297
Data de inscrição : 21/01/2013
Gostos : 3


MensagemAssunto: Re: Como escolher o meu novo filtro?   Sex 24 Out 2014, 22:01Responder ao tópico

Legal.

Eu já tinha em mente essa perda de potência pelo incremento das mídias filtrantes e pelos resíduos acumulados ao longo do uso.

Por isso usei no calculo 8X a litragem.

Uma coisa que comecei a considerar nessas questões é a manutenção do filtro (periodicidade), o tipo de mídia filtrante (qualidade e quantidade).
Voltar ao Topo Ir em baixo 

Conteúdo patrocinado





MensagemAssunto: Re: Como escolher o meu novo filtro?   Responder ao tópico

Voltar ao Topo Ir em baixo 

Como escolher o meu novo filtro?

Ver o tópico anterior Ver o tópico seguinte Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Peixefauna :: Água Doce :: Equipamentos e Manutenção-